QUILHAS – Capa de proteção

Publicado em 30/12/2015 00:00
QUILHAS – Capa de proteção

 

QUILHAS – Capa de proteção

 

Em matéria anterior foi comentado sobre cuidados a se ter na manutenção das quilhas e a importância deste componente no desempenho do windsurf.

Na mesma matéria, foi recomendado manter a quilha (quando não em uso) sempre com a proteção, e caso não tenha esta, fazer uma.

Pergunta: Você sabe fazer uma capa de proteção pra sua quilha?

Para os que responderam não, segue um passo a passo bastante simples para fazer uma.

Inicialmente, compre uma folha de EVA, espessura cerca de 3mm. Este material é vendido em lojas que vendem material escolar ou então em casas especializadas em borrachas e materiais de estofaria. Caso a quilha seja grande, compre uma folha maior, quase na dimensão de uma folha de cartolina para trabalhos escolares, só que no material correto.

 

 

Deite a quilha sobre a folha e com uma caneta marque o contorno externo da mesma. Lendo esta matéria adiante, você verá que será necessário dobrar a folha, e portanto é importante que nesta primeira posição e traçado do contorno, a aresta de dobra da futura capa de proteção esteja perpendicular a um dos lados da folha, e com material suficiente para formar a capa completa.

A idéia é evitar de no momento da dobra, faltar material para completar o segundo lado da proteção. Marque também nos 2 lados a linha da base da quilha, que será a linha a ser recortada para que a capa entre até o final da parte a ser protegida.

Na parte curva da quilha, marque um sobre material de aproximadamente 15mm, para que possam ser coladas as duas metades para o fechamento. Eu não sou muito caprichoso e pode-se ver que marquei o sobre material a mão mesmo.

 

 

Em seguida, recorte a parte curva (no meu caso, marcada a mão), e também a linha de base da quilha. O recorte deverá seguir até a linha de dobra da capa.

 

 

Dobre a metade recortada exatamente sobre a linha de dobra marcada na folha. Utilizando a aresta recortada como apoio pra caneta, marque a segunda metade de recorte da futura capa, não esquecendo de marcar também a linha de base .

 

 

Recorte nesta nova linha marcada. No sobre material deixado nas partes curvas (dos 2 lados da proteção), aplique uma fina camada de adesivo de contato (cola de sapateiro). Espere secar ao contato com o dedo (em torno de 5 minutos), e em seguida una as metades dobrando exatamente na linha de dobra.

Atenção: Atente para dobrar na posição correta. Quando as duas metades com adesivo se tocarem, a tendência é colar de imediato e não conseguir soltar mais as partes sem dano ao material. Após terem sido fechadas as metades, aplique um pouco de pressão sobre toda a superfície colada, para garantir a perfeita adesão.

 

 

Está pronta a capa. Como variação, podem ser utilizados materiais de diferentes cores. Variação de espessura não é problema, porém torna-se difícil a dobra com espessuras muito grandes.

Em quilhas sem aresta reta (típicas de slalom), pode ser adotado procedimento semelhante, porém ao invés da dobra, devem ser recortadas duas metades e colado em todo o contorno da quilha. Neste caso, atente para acrescentar sobre material para dobra também na face interna da quilha, que no exemplo acima está reta e possui a linha de dobra.

 

Bons Ventos a todos,

 

Carlos Jürgens

 

 

comments powered by Disqus